As últimas novidades e notícias da indústria de celulose e papel. Artigos técnicos, tendências, tecnologia, inovação, ESG, cursos e mais.

Expedição de papelão ondulado em fevereiro confirma otimismo para o 1T24

A expedição de chapas, caixas e acessórios de papelão ondulado cresceu 11,1% na comparação anual em fevereiro para 326.720 toneladas

Pode parecer prematuro afirmar que o mercado brasileiro de papelão ondulado está realmente mostrando sinais de recuperação em 2024, especialmente após um 2023 tão turbulento. No entanto, dados preliminares já divulgados por diferentes setores de mercado têm confirmado nossas projeções: os indicadores de demanda apontam para uma retomada substancial da produção e do consumo em 2024, como evidenciado na última edição do Latin America Pulp and Paper Monitor da Fastmarkets.

Notícia continua após o anúncio

A expedição de chapas, caixas e acessórios de papelão ondulado cresceu 11,1% na comparação anual em fevereiro, totalizando 326.720 toneladas, aproximadamente 17 mil toneladas acima da nossa estimativa de 309 mil toneladas para o mês, de acordo com os dados da Associação Brasileira de Embalagens em Papel (Empapel). Essa alta ocorreu após um crescimento anual de 5,3% em janeiro.

A resiliência de importantes segmentos no país, como o setor de alimentos, farmacêutico, higiene e cosméticos, juntamente com melhores condições de consumo, é fundamental para entender por que a demanda está finalmente retornando ao mercado, apesar das perspectivas ainda apontarem para muitos riscos no ano.

Em primeiro lugar, varejistas brasileiros aumentaram o número de descontos e promoções em janeiro e fevereiro para mitigar os efeitos da queda sazonal das vendas no período pós-festas de fim de ano. As vendas no varejo subiram 2,5% na comparação mensal em janeiro, após uma queda de 1,4% em dezembro, em contraste com os resultados tradicionalmente fracos esperados para o mês, conforme dados divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Leia o texto completo no PDF:

Brazil’s corrugated paper board market showing signs of improvement in 1Q24

It might be too early to assert that Brazil’s corrugated paper board market is indeed showing signs of strengthening in 2024, after a turbulent year in 2023. Still, preliminary data already disclosed by different market sectors confirms our forecast: demand drivers point to a substantial recovery in production and demand in 2024, as shown in the latest issue of Fastmarkets’ Latin America Pulp and Paper Products Monitor.

According to the Brazilian Association of Paper Packaging (Empapel), shipments of corrugated board boxes, accessories, and sheets grew by 11.1% year-over-year in February, reaching 326,720 tons, which is 17,000 tons above our forecast of 309,000 tons for the month. It is important to note that this February increase comes on top of a 5.3% increase reported in January.

The resilience of important sectors in the country – such as food, pharmaceuticals, hygiene, and cosmetics – coupled with better consumption drivers, is key to understanding why demand is finally resuming, even though economic perspectives still point to many risks in the year.

Firstly, Brazilian retailers increased discount and sales campaigns in January and February to offset the negative seasonal effect that follows year-end celebrations. According to the Brazilian Bureau of Statistics (IBGE), retail sales increased by 2.5% in January, after dropping 1.4% in December, which is contrary to the traditionally poor result expected for the month.

Read the full text bellow:

Últimas Notícias

Maior volume, menor custo: já pensou em comprar suas bebidas em embalagens de papel?

Mercado de embalagens cresce com busca por alternativas sustentáveis. Bag in Box se destaca em bebidas como vinho e whisky, gerando economia e sustentabilidade

Eldorado Brasil aumenta produtividade florestal em até 15%

Eldorado Brasil amplia sua área florestal plantada em 30 mil hectares e registra avanços significativos em produtividade, com 15% no Incremento Corrente Anual

Celulose: segundo trimestre terá pressão negativa nos preços, aponta Rabobank

Aumento de capacidade e demanda menor colocarão pressão negativa nos preços da celulose de fibra curta na China no 2T24. Mercado aguarda nova planta da Suzano

Branded Contents

Garanta a precisão e qualidade na rastreabilidade do setor de celulose, papel e tissue

Como o setor realiza a rastreabilidade de seus produtos? Quais as soluções existentes? A Betim Coding é especializada na codificação da produção desse segmento

Contech anuncia início de atividades no México

Com negócios fechados no México, a Contech, chega ao seu décimo terceiro país em atividades, levando patentes, inovações e soluções químico-mecânicas para o segmento de celulose e papel

Solenis homenageia Suzano pelos 100 anos

Suzano, Parabéns pelos 100 anos! Uma história repleta de grandes desafios e muito sucesso. Pioneirismo, inovação, tecnologia de ponta, atributos que facilmente conferiríamos a nós...

Compartilhar

Newsletter

Mantenha-se Atualizado!

Assine nossa newsletter gratuita e receba com exclusividade notícias e novidades