As últimas novidades e notícias da indústria de celulose e papel. Artigos técnicos, tendências, tecnologia, inovação, ESG, cursos e mais.

     

    Projeto Integrado Ligará Suzano Ao Porto De Santos

    No dia 27 de novembro último, o prefeito Paulo Tokuzumi apresentou o projeto ViaMar – Complexo Multimodal, produzido pela Contern, que integra uma rodovia de conexão do trecho Leste do Rodoanel com o Porto de Santos e o litoral Norte. Serão apenas 36 km de rodovia. O trajeto parte de uma grande ligação entre o grande anel viário do Estado, a Estrada dos Fernandes, em Suzano e a Rodovia Índio-Tibiriçá. O projeto prevê a construção de plataformas logísticas em pontos estratégicos, que deverão reunir um conjunto de recursos, sistemas e operações para fazer o transbordo de cargas com agilidade e notável eficiência. Com isso, Suzano será o maior centro logístico da América Latina.
     
    Durante a coletiva, Tokuzumi explicou que a rodovia, composta por túneis e viadutos de extremo rigor técnico, terá condições associadas para operar diferentes meios de transporte, dando ênfase aos veículos de carga e posteriormente de trilhos. Os processos de construção dessa nova estrada serão inovadores, porque é preciso garantir a viabilidade técnica e equilíbrio ambiental em uma região extremamente complexa da Serra do Mar.
     
    Ao interligar as principais rodovias que chegam à capital, o Rodoanel Mário Covas é essencial para o sistema de logística de transportes do Estado e do Brasil. A nova rodovia terá enquadramento classe zero, com duas pistas de três faixas de trânsito por sentido e velocidade diretriz de 120 km/h. Na baixada, ela cruzará a Rodovia Cônego Domenico Rangone, próxima ao acesso à Ilha Barnabé. Seguirá ao núvel do solo até entrar em um túnel submerso que atravessará o canal do porto e fará a ligação com a avenida portuária. No canal de Santos, engenharia e engenhosidade se completam na construção do túnel submerso com o uso de tuneladoras, e de pontes e viadutos com sistemas sustentáveis.
     
    “No início da construção do trecho Leste do Rodoanel, a alça de acesso à Suzano estava projetada para ser construída em um local totalmente inviável para a mobilidade urbana do município. Após conversas com os prefeitos de Ribeirão Pires, Santos e Guarujá, conseguimos alterar as entradas e saídas do Rodoanel na região e posteriormente pensamos em uma alternativa fundamental para o escoamento dos veículos que congestionam São Paulo sentido o Porto de Santos”, argumentou o prefeito. “Pensamos em inúmeras formas de suprir essa demanda e chegamos a conclusão de que a saída mais viável é a construção dessa rodovia que liga Suzano ao Porto de Santos. Estamos em um local privilegiado”, frisou.
     
    Plataformas
    O projeto prevê três plataformas logísticas para potencializarem a via como referência na América Latina e uma delas ficará em Suzano. A Plataforma Nava terá acesso pelo Rodoanel e uma estrutura única no país contendo pátio para estacionamento de caminhões, com conveniências para caminhoneiros e postos de abastecimento e manutenção; áreas para carga, descarga e armazenagem de mercadorias; suporte alfandegário; condomínio industrial para instalações como depósitos frigoríficos, tanques de estoque e silos, além de edifícios comerciais com uma ampla rede de apoio. A Plataforma de Suzano irá organizar e controlar o transporte de cargas entre o planalto paulista e a Baixada Santista. Caminhões poderão descarregar e receber novas cargas sem a necessidade de ir até o Porto de Santos. Em uma segunda etapa, a Plataforma Nava poderá operar um terminal férreo com equipamentos de última geração para transferência modal.
     
    Tokuzumi finalizou reforçando que o projeto ViaMar é a melhor saída para o enfrentamento dos problemas logísticos do Estado. “Tenho absoluta certeza de que Suzano será a melhor esquina do Brasil. O projeto dessa rodovia coloca a cidade no rumo do desenvolvimento econômico e o governo do Estado está apreciando minuciosamente a proposta que é absolutamente necessária. Estamos muito esperançosos para que esse projeto seja realizado e toda a região apoiará no que for necessário”, concluiu. Estudos preliminares mostram que a obra está orçada em aproximadamente R$ 8 bilhões e que seria necessário também Parcerias Público Privadas (PPP) para a conclusão da rodovia e demais obras paralelas.
     
     
    Fonte: Secretaria de Comunicação Institucional (SECOI)

    Últimas Notícias

    Suzano anuncia novo CEO em substituição a Walter Schalka, a partir de julho

    O Conselho de Administração da Suzano elegeu João Alberto Fernandez de Abreu, diretor presidente da Rumo como futuro CEO da companhia. O atual CEO...

    Veracel atinge novo recorde de redução no uso de água

    A Veracel alcançou, em 2023, o menor índice médio anual de uso específico de água da história de suas operações

    CMPC lidera ranking de sustentabilidade corporativa da S&P Global 

    Na avaliação geral do ranking S&P Global Sustainability Yearbook, a CMPC ficou posicionada entre as 1% melhores colocadas. Na categoria Papel e Produtos Florestais superou as outras 38 companhias do setor.

    Branded Contents

    Solenis homenageia Suzano pelos 100 anos

    Suzano, Parabéns pelos 100 anos! Uma história repleta de grandes desafios e muito sucesso. Pioneirismo, inovação, tecnologia de ponta, atributos que facilmente conferiríamos a nós...

    Wana transformando inovação em solução

    A WANA é uma empresa 100% nacional com mais de 20 anos de atuação, especialista na produção de aditivos químicos poliméricos para diversos mercados,...

    Valmet e Suzano investem em inovação e tecnologia para impulsionar o desenvolvimento sustentável da indústria

    Suzano e Valmet celebram uma década de parceria em Imperatriz, MA, marcada por avanços tecnológicos e sustentabilidade na produção de celulose

    Compartilhar

    Newsletter

    Mantenha-se Atualizado!

    Assine nossa newsletter gratuita e receba com exclusividade notícias e novidades