As últimas novidades e notícias da indústria de celulose e papel. Artigos técnicos, tendências, tecnologia, inovação, ESG, cursos e mais.

Suzano e SEST SENAT implantam simulador de direção na unidade de Três Lagoas

Com a formação de cerca de 180 motoristas/mês, o projeto da Suzano e SEST SENAT visa aumentar a segurança nas operações de logística florestal da companhia

A Suzano em parceria com o SEST SENAT (Serviço Social do Transporte e Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte), implantou um simulador de direção veicular na Unidade de Três Lagoas. A iniciativa pioneira – este é o primeiro simulador instalado dentro de uma unidade fabril – visa promover a formação continuada de motoristas da empresa – próprios e terceiros – e, com isso, aumentar a segurança nas operações de logística florestal na região.

Notícia continua após o anúncio

“O simulador de direção vem para somar com as diversas ações que a Suzano adota para aumentar a segurança de nossas operações de logística florestal. Com ele, pretendemos oferecer uma formação continuada ao nosso time de motoristas, próprios e terceiros, e melhor prepará-los para qualquer situação que possa ser encontrada nas estradas, possibilitando, assim, a tomada de decisões mais assertivas e seguras. Tais investimentos vem ao encontro do nosso direcionador que diz que ‘só é bom para nós se for bom para o mundo’, já que uma operação segura é boa para os negócios, para a saúde e qualidade de vida dos nossos colaboradores e colaboradoras e para todos os usuários das rodovias que utilizamos”, destaca Gustavo Henning, gerente de Logística Florestal da Suzano.

O simulador assemelha-se à cabine de um veículo de grande porte (caminhão, ônibus e carretas) com banco, volante, pedais e painel interligados. Nele, o condutor pode simular a direção por cenários projetados à sua frente, elaborados por meio de programas específicos de realidade virtual.

“Outro fator relevante é que os simuladores podem ser utilizados criando situações perigosas, sem que haja risco real para os condutores. E este é um dos grandes objetivos desta proposta pedagógica: proporcionar o aperfeiçoamento dos condutores profissionais, expondo-os a situações de risco simuladas, para que eles possam não só relembrar conceitos, mas também aperfeiçoar suas habilidades de reação. Tudo isso em um ambiente totalmente seguro e controlado”, ressalta Thalis Maciel, coordenador de Desenvolvimento Pessoal do SEST SENAT em Três Lagoas.

Entre os cenários previstos no simulador de direção, estão: pedestres, animais na pista, condições adversas do tempo, buracos, curvas etc. A estimativa é que cerca de 180 profissionais passem pelos treinamentos no simulador ao mês, o que totaliza mais de dois mil treinamentos ao ano. Todo o treinamento com o simulador contará com o apoio técnico da equipe de profissionais do SEST SENAT.

Segurança no transporte de madeira

Atualmente, a Suzano conta com uma das centrais de monitoramento de veículos mais modernas do país, com 100% da frota rastreada por telemetria, 24 horas por dia. A central mantém canal comunicação direta por rádios com toda a frota, alertando imediatamente em casos de excesso de jornada, fadiga ou excesso de velocidade, alertando ainda sobre as características do trecho (curvas e entroncamentos).

Além disso, os veículos envolvidos no transporte de madeira da empresa contam com o sistema de câmeras de combate à fadiga. Com sensores capazes de detectar sinais de cansaço ou desvio de atenção, tais como bocejos e uso de celular, por exemplo, o sistema emite alertas sonoros ao motorista e à central de operações. Os veículos também possuem câmeras externas, frontal e traseira, para auxiliar neste monitoramento.

Últimas Notícias

Desmitificando a PL da Silvicultura 

Combatendo a desinformação sobre a silvicultura, especialistas esclarecem a produção florestal das árvores cultivadas como uma atividade sustentável

Preços mundiais dos produtos florestais mantêm cenário negativo

A produção e preços dos produtos florestais variaram na última década, com retrações na crise sanitária e recuperação seguida de novas quedas.

Demanda por produtos de papel: consequências das inundações no RS

As inundações no RS devem ter impacto limitado na demanda por papel em 2024, com forças opostas compensando-se no curto e médio prazo.

Branded Contents

INCAPE forma primeira turma do curso “Mulheres Papeleiras”

Iniciativa da INCAPE reforça o compromisso da empresa com o Pacto Global da ONU, rumo à igualdade de gêner

Thiago Karam Westphalen assume presidência da INCAPE

Thiago Karam Westphalen assume como diretor presidente da INCAPE, com planos de continuar a trajetória de sucesso da família na expansão dos negócios

Destaques Tecnológicos

Destaques tecnológicos do setor: Andritz, Contech, Hergen, Solenis, Valmet E Voith

Compartilhar

Newsletter

Mantenha-se Atualizado!

Assine nossa newsletter gratuita e receba com exclusividade notícias e novidades