As últimas novidades e notícias da indústria de celulose e papel. Artigos técnicos, tendências, tecnologia, inovação, ESG, cursos e mais.

Klabin conserva mais de 71 mil hectares de matas nativas em SC

Em Santa Catarina e Rio Grande do Sul, 48% das áreas da Companhia são destinadas à conservação

A Klabin publica este mês o Resumo Público de Santa Catarina de 2024. O documento reúne os esforços que a Companhia faz pelo manejo adequado de suas florestas nativas e plantadas, além de apresentar as políticas sociais e de sustentabilidade.

Notícia continua após o anúncio

A Klabin está presente no Estado há mais de 50 anos, tendo como pólo de desenvolvimento social e econômico o município de Lages. Com uma área florestal que abrange cerca de 151 mil hectares, as florestas plantadas e nativas adentram o estado vizinho do Rio Grande do Sul, alcançando, no total, 44 municípios catarinenses e 11 cidades gaúchas. Só em áreas de matas nativas conservadas, a empresa mantém quase 72 mil hectares nesta região.

Reconhecida por se modernizar e buscar eficiência em todas as suas operações, no manejo das florestas não seria diferente. Em Santa Catarina, por meio de estudos, a área florestal garante a manutenção e a melhoria da produtividade, considerando a qualidade das plantações e das fibras para utilização na produção de celulose. O desenvolvimento de projetos e a adequação de novas tecnologias aliadas ao cultivo sustentável focam, principalmente, nas áreas de melhoramento florestal, clonagem e biotecnologia, nutrição e silvicultura, fitossanidade florestal e qualidade da madeira.

Júlio Nogueira, gerente de Sustentabilidade e Meio Ambiente da Klabin, conta que o documento traz detalhes das práticas de manejo sustentável da empresa, reconhecida pelo pioneiro método em mosaico, em que os plantios de pínus e eucaliptos ficam entremeados às florestas nativas.

“O emprego das práticas ambientalmente corretas utilizadas pela Klabin em seu cultivo florestal, bem como o manejo adequado da paisagem, proporcionam o excelente aproveitamento do potencial de produção das florestas e a proteção dos recursos naturais”, explica o executivo.

Em Santa Catarina e Rio Grande do Sul, 48% das áreas da Companhia são destinadas à conservação. Índice importante para atuar na preservação de espécies. Nas áreas da Klabin nessa região, já foram identificadas 892 espécies de flora e 541 espécies de animais. “Essas áreas florestais têm trazido contribuições importantes na preservação do meio ambiente, nos aspectos de proteção da biodiversidade e na manutenção de mananciais. Nos 44 municípios em que a Klabin possui áreas florestais em Santa Catarina existem mais de 5 mil quilômetros de rios e mais de 9 mil nascentes protegidas pela empresa, que contribuem para o abastecimento hídrico da região”, comenta Nogueira.

Prova disso são as certificações alcançadas pela área florestal no estado. Em 2023, mais uma se somou às já conquistadas pela Klabin. A certificação PEFC (sigla de Programme for the Endorsement of Forest Certification Schemes, em português Programa para o Reconhecimento da Certificação Florestal- PEFC/28-22-15), considerada o maior sistema mundial de certificação florestal, foi conquistada pela Klabin, após o processo de auditoria.

Responsabilidade Socioambiental da Klabin

No que diz respeito à Responsabilidade Socioambiental, a Klabin emprega programas abrangentes de saúde e segurança ocupacional, bem como de capacitação e benefícios para promover qualidade de vida aos colaboradores. Além disso, desenvolve parcerias para o fomento florestal em propriedades rurais para plantio de florestas e com pequenos produtores, mantendo canais de diálogo abertos com as comunidades vizinhas por meio de telefone, e-mail, reuniões entre outros canais. Em 2023, os programas voltados para o desenvolvimento das comunidades onde atua continuaram, tendo destaque os seguintes: Klabin Caiubi; Protetores Ambientais, em parceria com a Polícia Militar Ambiental; Matas Sociais e Matas Legais; o Apoio à Gestão Pública; e Klabin Semeando Educação.

“O reconhecimento pelos serviços ecossistêmicos existentes na Klabin reforça a relevância de um bom manejo florestal para a conservação ambiental, refletindo os esforços empreendidos na Companhia nessa jornada em prol do desenvolvimento sustentável”, finaliza Nogueira.

Para conferir o documento completo, clique aqui.

Fonte: Klabin

Últimas Notícias

Desmitificando a PL da Silvicultura 

Combatendo a desinformação sobre a silvicultura, especialistas esclarecem a produção florestal das árvores cultivadas como uma atividade sustentável

Preços mundiais dos produtos florestais mantêm cenário negativo

A produção e preços dos produtos florestais variaram na última década, com retrações na crise sanitária e recuperação seguida de novas quedas.

Demanda por produtos de papel: consequências das inundações no RS

As inundações no RS devem ter impacto limitado na demanda por papel em 2024, com forças opostas compensando-se no curto e médio prazo.

Branded Contents

INCAPE forma primeira turma do curso “Mulheres Papeleiras”

Iniciativa da INCAPE reforça o compromisso da empresa com o Pacto Global da ONU, rumo à igualdade de gêner

Thiago Karam Westphalen assume presidência da INCAPE

Thiago Karam Westphalen assume como diretor presidente da INCAPE, com planos de continuar a trajetória de sucesso da família na expansão dos negócios

Destaques Tecnológicos

Destaques tecnológicos do setor: Andritz, Contech, Hergen, Solenis, Valmet E Voith

Compartilhar

Newsletter

Mantenha-se Atualizado!

Assine nossa newsletter gratuita e receba com exclusividade notícias e novidades