Mais De 2,5 Mil Empreendedores Qualificados

    Sebrae-SP e Suzano vão qualificar mais de 2,5 mil empreendedores até o final de 2024
     
    Projeto Semente será expandido para 69 localidades de atuação da Suzano no Estado de São Paulo com objetivo de gerar trabalho e renda para famílias em situação de vulnerabilidade social
     
    Com o objetivo de promover o desenvolvimento socioeconômico nas regiões onde possui operações, a Suzano, em parceria com o Sebrae-SP, pretende qualificar mais de 2.500 empreendedores de 69 municípios no Estado de São Paulo. A iniciativa, chamada Projeto Semente, tem como objetivo gerar renda e novas oportunidades para pessoas em situação de vulnerabilidade social, por meio de capacitações, mentorias e acompanhamento no mercado de trabalho
     
    O lançamento oficial da continuidade e ampliação do Projeto Semente ocorreu nesta quarta-feira, 9 de agosto, em solenidade realizada na sede do Sebrae-SP, na capital paulista. O evento contou com a participação de representantes do Sebrae-SP e da Suzano, além de integrantes de municípios contemplados nas regiões dos escritórios regionais do Sebrae-SP do Alto Tietê, Guaratinguetá, Sorocaba, Botucatu, Piracicaba e Sudoeste Paulista.
     
    A ação, que contará com investimentos de R$ 7,7 milhões, pretende fortalecer o empreendedorismo local, além de colaborar para a geração de emprego e renda, retirando mais de 2.500 pessoas da linha de pobreza até o final de 2024. No ano passado, o projeto contou com aportes do Sebrae-SP e Suzano com ações de qualificação profissional e empregabilidade para pessoas em situação de vulnerabilidade econômica nas regiões do Alto Tietê e do Vale do Paraíba. Em oito meses de execução, as ações alcançaram 20 municípios e retiraram 292 pessoas da pobreza.
     
    “O Projeto Semente contribui com os Compromissos da Suzano para Renovar a Vida, um conjunto de 15 metas públicas de longo prazo da companhia, alinhadas aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU. Entre essas metas está ajudar a tirar mais de 200 mil pessoas da linha da pobreza nas áreas de atuação da empresa até 2030. Nesse sentido acreditamos em parcerias como esta, com o Sebrae-SP, para alcançarmos esse objetivo. Ao fomentar o empreendedorismo local, contribuímos para criar oportunidades de negócios, novos empregos e, consequentemente, promover o desenvolvimento socioeconômico da região. Com o lançamento desta nova etapa do Projeto Semente, renovamos a parceria que deu certo em 2022 e que já começou a fazer diferença na vida de muitas pessoas”, ressalta Giordano Bruno Automare, gerente executivo de Desenvolvimento Social da Suzano.
     
    Para o Diretor-Superintendente do Sebrae-SP, Nelson Hervey Costa, o objetivo do projeto é promover a inclusão produtiva por meio do empreendedorismo gerando negócios, empregos e renda para a população mais vulnerável do Estado. “Trabalhar com públicos em situação de vulnerabilidade é, atualmente, um foco estratégico do Sebrae-SP em prol de uma sociedade mais igualitária em termos de recursos e oportunidades, pois não há crescimento econômico sem que ele seja inclusivo. E ser inclusivo nos dá a oportunidade de transformar positivamente a vida de muitas pessoas, que é a nossa missão”, destaca.
     
    Municípios beneficiados
     
    Ao todo, a edição do Projeto Semente em 2023 irá beneficiar 69 municípios, através de empreendedores das regiões de: Alto Tietê (Biritiba Mirim, Guararema, Mogi das Cruzes, Salesópolis e Suzano), Guaratinguetá (Aparecida, Arapeí, Areias, Bananal, Cachoeira Paulista, Canas, Cruzeiro, Cunha, Guaratinguetá, Lavrinhas, Lorena, Pindamonhangaba, Piquete, Queluz, Roseira, Santo Antônio do Pinhal, São Bento do Sapucaí, São José do Barreiro e Silveiras), Sudoeste Paulista (Buri, Campina do Monte Alegre, Capão Bonito, Guapiara, Itapeva, Itararé, Nova Campina, Ribeirão Branco e Taquarivaí), Sorocaba (Alambari, Alumínio, Angatuba, Itapetininga, Itu, Mairinque, Piedade, Pilar do Sul, Porto Feliz, Salto, Salto de Pirapora, São Miguel Arcanjo, Sorocaba, Tapiraí, Tatuí e Votorantim), Botucatu (Anhembi, Avaré, Bofete, Botucatu, Itatinga e Pardinho), Piracicaba (Americana, Charqueada, Elias Fausto, Limeira e Piracicaba) e São José dos Campos (Caçapava, Igaratá, Jacareí, Jambeiro, Monteiro Lobato, Natividade da Serra, Paraibuna, Redenção da Serra, Santa Branca, São José dos Campos, São Luiz do Paraitinga, Taubaté e Tremembé).
     
     
    Sobre a Suzano
    A Suzano é a maior produtora mundial de celulose, uma das maiores produtoras de papel da América Latina e referência no desenvolvimento de soluções sustentáveis e inovadoras de origem renovável. Os produtos da companhia, que fazem parte da vida de mais de 2 bilhões de pessoas e abastecem mais de 100 países, incluem celulose, papéis para imprimir e escrever, canudos e copos de papel, embalagens de papel, absorventes higiênicos e papel higiênico, entre outros. A Suzano é guiada pelo propósito de Renovar a vida a partir da árvore. A inovabilidade, a busca da sustentabilidade por meio da inovação, orienta o trabalho da companhia no enfrentamento dos desafios da sociedade. Com 99 anos de história, a empresa tem ações negociadas nas bolsas do Brasil (SUZB3) e dos Estados Unidos (SUZ). Saiba mais em: www.suzano.com.br
     
     
    Sobre o Sebrae
    O Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas é uma entidade privada que promove a competitividade e o desenvolvimento sustentável das micro e pequenas empresas. Tem atuação com foco no fortalecimento do empreendedorismo e na aceleração do processo de formalização da economia por meio de parcerias com os setores público e privado, programas de capacitação, acesso ao crédito e à inovação, estímulo ao associativismo, feiras e rodadas de negócios. Saiba mais em www.sebrae.com.br

    Últimas Notícias

    Com investimento de R$ 33 milhões, Valmet inaugura nova unidade industrial em Sorocaba (SP)

    A Valmet inaugura um centro de R$ 33 milhões em Sorocaba para manutenção de rolos de papel e celulose, fortalecendo sua presença na América do Sul.

    Segmento de aparas poderá enfrentar desafios para abastecer o mercado

    "Com a economia dando sinais de recuperação, se a demanda iniciar 2024 aquecida, poderemos ter falta de material mesmo com o mercado continuando a receber grandes volumes de papel de fibra virgem", aponta Pedro Vilas Boas, da Anguti Consultoria

    Nova fase de aumentos de preços das celuloses ocorre no 4T23

    A Europa e a China registram aumentos nos preços da celulose em dólar. Indícios apontam estabilidade nos EUA, indicando o fim da baixa de preços de set/2022 a ago/2023. Mercados de papéis mostram variações mistas em out/nov. No Brasil, papéis cartão estáveis, papéis miolo e kraftliner aumentam levemente, papel capa reciclada diminui.

    Branded Contents

    Instituto Senai de Tecnologia em Celulose e Papel amplia foco em sustentabilidade

    Em um cenário industrial sempre mais competitivo e de constantes transformações são cada vez mais comuns projetos que exigem a implementação de processos inovadores...

    IPEL Revoluciona Gestão de Insumos Químicos e Amplia Competitividade com Siderquímica

    Em resposta ao aumento dos custos de produção, a fabricante de papéis tissue IPEL reformulou sua gestão de insumos químicos em parceria com a Siderquímica. Resultando em redução de custos, estabilidade operacional e melhoria na qualidade dos produtos, a colaboração gerou benefícios expressivos e promete futuras inovações.

    Química Nova Brasil: Inovação e Excelência no Setor Químico Nacional

    A Química Nova Brasil (QNB) destaca-se no mercado de produtos químicos pela inovação e qualidade, fundamentada em alta tecnologia e uma equipe especializada. Com estratégias bem definidas e visão para o futuro, a empresa está posicionada para liderar e expandir sua presença na indústria.

    Compartilhar

    Newsletter

    Mantenha-se Atualizado!

    Assine nossa newsletter e receba com exclusividade novidades e notícias do setor.