As últimas novidades e notícias da indústria de celulose e papel. Artigos técnicos, tendências, tecnologia, inovação, ESG, cursos e mais.

     

    Sun Paper e Voith concluem start-up de linhas de papel-embalagem

    Máquinas XcelLine da Voith se destacam pelo alto desempenho: PM2 atinge sua capacidade de projeto três semanas depois do start-up; PM3 levou apenas duas semanas

    A Sun Paper recentemente concluiu o start-up de duas máquinas de papel-embalagem de última geração, a PM2 e a PM3, na fábrica de Nanning, na China. O start-up de ambas as máquinas foi concluído em apenas um mês. Depois de finalizar os testes funcionais em três semanas, a PM3 estabeleceu um recorde de start-up, levando apenas uma hora entre o lançamento da massa na tela e o enrolamento da primeira bobina de papel vendável. Com o início da operação das duas máquinas XcelLine de última geração da Voith, a Sun Paper consolida sua posição entre as principais fabricantes de papel mundiais e define outro marco na longa parceria entre ambas as empresas. A extraordinária conquista é o resultado de muitos anos de confiança e uma estreita parceria entre as equipes da Sun Paper e da Voith. A constante troca de conhecimento aliada ao minucioso planejamento do projeto permitiram reduzir significativamente o tempo de execução.

    Notícia continua após o anúncio

    “A PM2 e PM3 de Nanning são, respectivamente, a 13ª e 14ª máquinas fornecidas pela Voith para a Sun Paper. Nossa parceria de longa data com a Voith nos ensinou que um bom relacionamento comercial não se baseia em sucessos isolados, mas no apoio mútuo e no crescimento a longo prazo”, afirma Li Lu, presidente do Grupo Sun Holdings. “Continuamos a trabalhar em estreita parceria no segmento de papel-embalagem. Desde as PMs 31/32 e PMs 36/37 em Zoucheng, passando pelas PMs 1/2 em Laos, e agora com as PMs 2/3 em Nanning, a Voith e nós demonstramos, por meio de ações concretas, que a verdadeira parceria é baseada em confiança mútua e valores compartilhados.”

    “A execução eficiente e o start-up rápido do projeto de Nanning são apenas um exemplo dessa aliança estratégica de longo prazo”, confirma Ying Guangdong, vice-gerente geral e engenheiro-chefe da Sun Paper. “Isso não apenas fortalece nossa parceria na área de papel-embalagem; mostra também nossa determinação na busca conjunta de soluções sustentáveis e inovadoras.”

    “A eficiência operacional é um parâmetro essencial para avaliar o sucesso de um projeto”, afirma Fu Guoling, gerente de projeto das máquinas PM 2/3 de Nanning e PM 36/37 de Zoucheng. Ele acrescenta: “As máquinas da Voith têm o melhor desempenho: a PM2 alcançou a produção de projeto em apenas três semanas; já a PM3 precisou de apenas duas semanas”, explica Guoling. “Com qualidade alta e estável, o papel tem sido muito bem recebido pelo mercado. A excelente gestão de ambas as empresas permitiu reduzir significativamente a duração do projeto, o que garantirá um retorno ainda mais rápido do investimento. Outra característica que contribui para a alta rentabilidade do investimento é o projeto de uma máquina voltada para o lado esquerdo e outra para o lado direito. Isso nos permite reduzir os custos de operação e manutenção e maximizar o aproveitamento de matérias-primas.”

    Com uma largura de tela de 7,3m, tanto a máquina PM2 quanto a PM3 já atingiram sua velocidade de projeto de 1.200 m/min. Ambas as máquinas de Nanning foram projetadas para produzir papel-embalagem de alta qualidade. A PM 2 produzirá papéis com gramaturas entre 140 g/m2 e 250 g/m2, o que se traduz em uma capacidade anual de cerca de 520.000 toneladas. Já a PM 3 operará com gramaturas entre 100 g/m2 e 160 g/m2, oferecendo uma capacidade anual de cerca de 480.000 toneladas. Como fornecedora completa, a Voith forneceu todos os componentes, desde a caixa de entrada até a rebobinadeira, passando pelos sistemas de automação e as soluções de digitalização líderes do setor papeleiro do portfólio Papermaking 4.0 da Voith. Entre essas soluções estão o OnCare.Health e os sistemas de controle da máquina (MCS) e da qualidade (QCS).

    Kurt Yu, presidente da Voith Paper Ásia, destaca: “Estamos muito honrados por sermos a parceira preferida da Sun Paper para seus ambiciosos planos no segmento de papel-embalagem. Cada novo pedido é não só um reconhecimento das nossas soluções, mas também das décadas de parceria e confiança que construímos.”

    Com o sucesso do start-up de ambas as máquinas em Nanning, a Sun Paper alcança um marco significativo no desenvolvimento coordenado da região Beihai-Nanning, Guangxi, juntamente com suas fábricas em Shandong, Laos e Guangxi. Esse avanço consolida a posição da empresa e contribui para a criação de um sistema florestal autossuficiente para a produção de papel e celulose. Por meio de uma cadeia produtiva circular com baixas emissões de carbono, a Sun Paper garante um controle eficaz das matérias-primas e reforça sua competitividade no mercado.

    Fonte: Voith

    Últimas Notícias

    Suzano anuncia novo CEO em substituição a Walter Schalka, a partir de julho

    O Conselho de Administração da Suzano elegeu João Alberto Fernandez de Abreu, diretor presidente da Rumo como futuro CEO da companhia. O atual CEO...

    Veracel atinge novo recorde de redução no uso de água

    A Veracel alcançou, em 2023, o menor índice médio anual de uso específico de água da história de suas operações

    CMPC lidera ranking de sustentabilidade corporativa da S&P Global 

    Na avaliação geral do ranking S&P Global Sustainability Yearbook, a CMPC ficou posicionada entre as 1% melhores colocadas. Na categoria Papel e Produtos Florestais superou as outras 38 companhias do setor.

    Branded Contents

    Solenis homenageia Suzano pelos 100 anos

    Suzano, Parabéns pelos 100 anos! Uma história repleta de grandes desafios e muito sucesso. Pioneirismo, inovação, tecnologia de ponta, atributos que facilmente conferiríamos a nós...

    Wana transformando inovação em solução

    A WANA é uma empresa 100% nacional com mais de 20 anos de atuação, especialista na produção de aditivos químicos poliméricos para diversos mercados,...

    Valmet e Suzano investem em inovação e tecnologia para impulsionar o desenvolvimento sustentável da indústria

    Suzano e Valmet celebram uma década de parceria em Imperatriz, MA, marcada por avanços tecnológicos e sustentabilidade na produção de celulose

    Compartilhar

    Newsletter

    Mantenha-se Atualizado!

    Assine nossa newsletter gratuita e receba com exclusividade notícias e novidades