As últimas novidades e notícias da indústria de celulose e papel. Artigos técnicos, tendências, tecnologia, inovação, ESG, cursos e mais.

Westrock Inova Com Plantio Clonal De Pinus Taeda

WestRock inova com plantio clonal de Pinus taeda em escala operacional em suas florestas plantadas
 
Fruto de anos de estudo e investimento em pesquisa e inovação, a iniciativa posiciona a produtividade das florestas da WestRock, que já era recorde no Brasil e no mundo, 80% superior à produtividade média dos plantios de Pinus taeda no Brasil.
 
Setembro de 2022 — A WestRock, líder global em soluções únicas e sustentáveis em embalagens de fibra natural de fonte renovável, implementou, em escala operacional, o plantio clonal de famílias de irmãos completos de Pinus taeda: um processo inovador para a produção de novas árvores de alta performance da espécie. Desde 2021, a ação permite a replicação de características genéticas ideais para árvores plantadas para fins industriais, assegurando mais geração de fibra por hectare e otimizando o uso de recursos naturais no manejo florestal.
Por serem oriundas de clones de árvores de alta produtividade, as florestas clonais tornam-se ainda mais homogêneas, melhorando a produtividade da operação. Na prática, a empresa extrai mais fibra por hectare, minimizando o consumo específico de insumos enquanto racionaliza e conserva os recursos naturais. Além disso, com florestas mais produtivas, é também ampliada a capacidade de remoção de CO2, durante todo o período de vida da árvore — cerca de 14 anos – colaborando para a redução dos impactos das mudanças climáticas.
 
O processo de plantio clonal
Há mais de seis décadas, a empresa investe em ciência e inovação no melhoramento genético florestal para obter as melhores características das árvores, como por exemplo, troncos retilíneos e com maiores diâmetros; resistência a doenças e pragas, características de qualidade da madeira e rendimento de celulose – pré-requisitos essenciais para compor florestas com melhor desempenho para abastecer a indústria de papel e embalagens de papelão ondulado.
Antes da implementação da clonagem da espécie, a empresa adotava o método de plantio seminal, no qual uma semente gera uma única muda. Com a mudança para o método de clonagem, uma semente dá origem a uma muda matriz que, por sua vez, gera diversas novas brotações, que são coletadas e enraizadas, formando árvores geneticamente idênticas. Com isso, foi possível obter ganho de escala com impacto positivo no meio ambiente e demais pilares da sustentabilidade.
Em 2020, a empresa iniciou um novo protocolo de clonagem de famílias de irmãos completos (ou seja, propagação vegetativa de mudas derivadas do cruzamento de famílias de árvores selecionadas, com as melhores características genéticas), o que possibilitou transformar a clonagem em um processo operacional. Com isso, a partir de 2021, tornou-se possível a produção de milhões de mudas clonais de nossas super árvores.
“Para realizar o plantio clonal não há modificação genética, ou seja, geração de transgênicos. O processo de seleção das melhores características fenotípicas da espécie e seu controle genético é fruto de avanços de décadas de pesquisa, que permitiu chegar à terceira geração de melhoramento genético de Pinus taeda. São técnicas seguras e sustentáveis, que otimizam recursos e ampliam a produtividade das florestas plantadas, que, em forma de mosaico com florestas nativas, auxiliam na preservação da biodiversidade e recursos naturais”, afirma Heuzer Guimarães, diretor de Negócios Florestais da WestRock.
Devido ao expressivo diferencial de produtividade e homogeneidade, o plantio clonal promove redução de milhões de reais em custos em toda cadeia de operações florestais, desde a silvicultura e manejo até a colheita. Em 2023, por meio dos protocolos de clonagem das árvores de Pinus taeda, a empresa, além de produzir mudas clonais para atender o programa de plantio da WestRock, abastecerá parceiros produtores de madeira nos estados de Santa Catarina e Paraná, fortalecendo uma cadeia de produtos de fonte renovável.

Últimas Notícias

Cristiano Teixeira, CEO da Klabin, é nomeado CEO do Ano da Fastmarkets LatAm

O prêmio será entregue na 19ª Conferência Anual de Produtos Florestais da América Latina da Fastmarkets

Eldorado amplia monitoramento 24h de florestas e reduz incêndios em 88%

Eldorado reduz incêndios florestais em 88% em 2023 com tecnologia avançada e treinamento.Monitoramento 24h, câmeras AI e capacitação comunitária são os pilares

CMPC mantém plano bilionário e lidera esforços de reconstrução no Rio Grande do Sul

A CMPC reforça compromisso com a região e destaca ações de solidariedade e apoio às comunidades afetadas com o evento climático extremo que assolou a região

Branded Contents

INCAPE forma primeira turma do curso “Mulheres Papeleiras”

Iniciativa da INCAPE reforça o compromisso da empresa com o Pacto Global da ONU, rumo à igualdade de gêner

Thiago Karam Westphalen assume presidência da INCAPE

Thiago Karam Westphalen assume como diretor presidente da INCAPE, com planos de continuar a trajetória de sucesso da família na expansão dos negócios

Destaques Tecnológicos

Destaques tecnológicos do setor: Andritz, Contech, Hergen, Solenis, Valmet E Voith

Compartilhar

Newsletter

Mantenha-se Atualizado!

Assine nossa newsletter gratuita e receba com exclusividade notícias e novidades