As últimas novidades e notícias da indústria de celulose e papel. Artigos técnicos, tendências, tecnologia, inovação, ESG, cursos e mais.

     

    Celulose é solução para um carnaval mais sustentável

    Com sobrecarga de resíduos gerados ao meio ambiente durante o carnaval, empresas desenvolvem soluções com alta biodegradabilidade em produtos utilizados neste período

    Abram alas para a celulose proporcionar um carnaval mais sustentável. O carnaval é a festa mais tradicional da cultura brasileira sendo de extrema importância para a economia. O acontecimento movimenta aproximadamente R$ 9 bilhões todos os anos, tanto para o ramo turístico quanto para o setor de entretenimento. Mas nem tudo é comemoração.

    Notícia continua após o anúncio

    Em contrapartida a folia, que tradicionalmente ocorre em espaços públicos, a sobrecarga gerada na coleta de lixo é expressiva. O adicional de resíduos gerados como glitters, purpurina, maquiagens, tecidos, confetes e serpentinas por muitas vezes permanece no ambiente e são arrastados para ambientes aquáticos, desequilibrando todo um ecossistema e gerando outros problemas secundários.

    Empresas que estão à frente do carnaval sustentável

    Partindo desse cenário, o setor de papel e celulose vem inovando com alternativas sustentáveis, que já estão disponíveis no mercado e ajudam a diminuir consideravelmente o impacto ao meio ambiente, especialmente por advir de matéria-prima renovável que vem das florestas: a celulose, utilizada na produção de papéis e outros inúmeros subprodutos.

    Confete biodegradável da Savi Papéis

    A Savi Papéis desenvolveu confetes biodegradáveis a partir do uso do papel seda, que é produzido por fabricantes de papel e celulose como a Suzano e a Riacho Embalagens Flexíveis.

    Enquanto um papel comum tem um tempo de decomposição de quatro a seis meses, o papel seda, que é feito a partir da pasta de papel (fibra de madeira) se degrada na natureza em no máximo 60 dias, reduzindo o impacto sobre o meio ambiente.

    A ideia, surgiu a partir de um trabalho escolar de Ana Vitória, filha do fundador da Savi, Flavio Ferreira. Os alunos do colégio de Ana, que possuem deficiência intelectual, precisavam criar um projeto de um produto para as festas de final de ano, que fosse sustentável, não agredisse o meio ambiente e que pudesse ser comercializado. Juntos, os dois pensaram em um lança confetes que poderia ser utilizado para diversão pelas crianças e pelos adultos.

    Segundo Ferreira, o aceite do mercado pelo confete biodegradável tem aumentado a cada ano e a tendência é que este crescimento seja ainda maior a partir da conscientização sobre a importância de alternativas mais sustentáveis para o meio ambiente.    

    Confetes Biodegradáveis Savi

    Glitter biodegradável da Geotech

    Outro case de sucesso é o Glitter Biodegradável da linha Geonature, criado pela empresa holandesa Geotech, que está no mercado inovando no ramo de pigmentos para a área cosmética desde 1972.

    O Glitter é feito à base de acetato de celulose, produzido por empresas mundialmente conhecidas, utilizando em sua fórmula de 74% a 76% de celulose. O produto foi desenvolvido minuciosamente para reproduzir o tamanho, espessura, experiência sensorial e brilho do glitter comum de plástico.

    A linha biodegradável chegou ao Brasil há apenas dois anos, mas já está ganhando espaço no mercado. Enquanto o glitter comum demora 400 anos para se decompor na natureza, o glitter Geonature leva 100 dias para desaparecer totalmente do meio ambiente. A empresa holandesa está extremamente confiante e estima um crescimento de 100 milhões de toneladas na produção até 2029.

    Quem trouxe esta ideia para o Brasil foi a Focus Química, empresa distribuidora e importadora de matéria-prima cosmética. A Focus, comprometida com a sustentabilidade, criou uma plataforma exclusiva para apresentar e conscientizar a população sobre a importância deste tipo de cosmético. Saiba mais em www.vegetalizacaoemcosmeticos.com.br

    Essa novidade já é utilizada em maior quantidade na Europa, inclusive no carnaval, devido a legislações com o intuito de banir ou evitar o uso de microplásticos já terem sido aprovadas na região.

    Glitters da linha Geonature da Geotech

    Suzano apoia a folia sustentável

    Sem abrir mão da diversão e apoiando a folia sustentável, a Suzano em parceria com a vero comunicação planejaram para este Carnaval uma ação utilizando os glitters biodegradáveis à base de celulose da Geotech.

    A ação, que faz parte da comemoração dos 100 anos da Suzano vai ocorrer no evento Baile Voador em Vitória no Espírito Santo, quando o evento completa seus 10 anos. Além de patrocinar o evento, a Suzano montará um estande onde os foliões poderão ativar o seu brilho utilizando os glitters biodegradáveis ao invés de utilizarem os glitters de plástico comum.

    Serviço:

    Onde adquirir os produtos:
    https://www.savipapeis.com.br
    https://www.focusquimica.com/representadas/geotech/

    Confira mais sobre o setor de celulose e papel e inovações em prol da sustentabilidade

    Últimas Notícias

    Portocel iniciará movimentação de fertilizantes em conjunto com a Adufértil

    A expectativa é movimentar pelo Portocel entre 120 mil e 180 mil toneladas/ano de fertilizantes. Entre os clientes estão a Suzano e outros players do segmento

    Klabin lança papel colmeia, alternativa sustentável ao plástico-bolha

    A Klabin lançou o papel colmeia sustentável, reciclável e versátil, visando promover a economia circular e substituir o plástico-bolha

    SupriJá: a plataforma online da Suzano para impulsionar vendas

    A Suzano lançou a primeira etapa para uma plataforma, SupriJá, que busca impulsionar as vendas de parceiros focados no universo de materiais de escritório

    Branded Contents

    Wana transformando inovação em solução

    A WANA é uma empresa 100% nacional com mais de 20 anos de atuação, especialista na produção de aditivos químicos poliméricos para diversos mercados,...

    Valmet e Suzano investem em inovação e tecnologia para impulsionar o desenvolvimento sustentável da indústria

    Suzano e Valmet celebram uma década de parceria em Imperatriz, MA, marcada por avanços tecnológicos e sustentabilidade na produção de celulose

    Instituto Senai de Tecnologia em Celulose e Papel amplia foco em sustentabilidade

    Em um cenário industrial sempre mais competitivo e de constantes transformações são cada vez mais comuns projetos que exigem a implementação de processos inovadores...

    Compartilhar

    Newsletter

    Mantenha-se Atualizado!

    Assine nossa newsletter gratuita e receba com exclusividade notícias e novidades