As últimas novidades e notícias da indústria de celulose e papel. Artigos técnicos, tendências, tecnologia, inovação, ESG, cursos e mais.

Eldorado obtém aumento de 10% na produtividade

Projeto de lógica para área de cavacos mantém a mesma eficiência de processo mesmo durante paradas de manutenção

Uma solução desenvolvida internamente na Eldorado Brasil garante a eficiência da operação de transporte de cavacos para o cozimento no digestor, mesmo durante paradas de manutenção programadas e reparos pontuais. O projeto “lógica de controle automático do by-pass da pilha de cavacos” assegura a continuidade da produção de até 5,5 mil toneladas de celulose ao dia, enquanto no processo anterior, o volume máximo alcançado era de até 5 mil toneladas, um aumento de 10% em produtividade que impacta diretamente na receita anual da operação.

Notícia continua após o anúncio

Uma das etapas da produção de celulose é o cozimento do eucalipto fracionado, conhecido como cavaco. Essa madeira picada fica estocada em uma pilha, que possui um sistema do tipo reclaimer, máquina responsável pela extração dos cavacos para envio ao digestor.

Quando esse equipamento passa por manutenções, é utilizado um by-pass ou desvio para levar ao cozimento a matéria-prima, que não é retirada da estocagem ou da pilha. Nesse processo, todo o controle de inúmeras variáveis, como quantidade, tempo e sistema, passa a ser feito de forma manual, resultando em um aumento do volume de trabalho e em menor precisão.

A ideia da área de Preparo de Cavacos foi desenvolver uma lógica para automatizar o controle do transporte de madeira via by-pass. Para isso, a equipe, formada por Júlio Teles, operador de painel II, responsável pelo projeto, com os colaboradores Oswaldo Hughes Neto, Marcos Soldera, Sandro Santiago e Osmar Petean; analisou durante quase um ano e meio os padrões de operação até chegar à equação final, capaz de controlar o ritmo de produção de forma equalizada com a demanda do digestor. “Agora conseguimos manter o abastecimento da fábrica no mesmo nível, mesmo com a parada do reclaimer, garantindo estabilidade da produção”, afirma Teles.

Projeto Premiado

Graças aos ganhos em eficiência operacional, o projeto foi reconhecido pelo Programa Inovar, que incentiva os colaboradores da área industrial da Eldorado Brasil a propor novas soluções que tragam impacto positivo direto aos resultados do negócio ou que ajudem a aprimorar o ambiente e a rotina de trabalho.
“Estou muito feliz em participar da edição de 2023, para mim o programa é uma importante ferramenta para fomentar a inovação dentro da empresa e um canal para que os colaboradores possam direcionar e expor suas ideias, trazendo ganho tanto qualitativo quanto quantitativo para a Eldorado”, reforça Teles.

Neste ano, o Inovar recebeu 263 ideias, das quais mais da metade foram implantadas nas áreas como a de Biomassa, Manutenção, Suprimentos, Transportadora, Manuseio de Madeira e Resíduos Industriais, entre outras. Elaborados em sua grande maioria por equipes, essas propostas resultaram na premiação de 247 colaboradores.

Como funciona o Inovar

O programa Inovar foi criado há oito anos e já recebeu mais de 2 mil propostas, das quais 605 ideias já foram adotadas pela Eldorado Brasil. Por meio de uma plataforma, os colaboradores cadastram suas ideias individualmente ou por equipes para serem aprovadas diretamente pelo gestor da área.
Não só grandes ideias fazem parte do Inovar, pequenas melhorias também são valorizadas, como automatização de rotinas, otimização das máquinas, ou dispositivo que consiga melhorar a eficiência. O programa prevê premiação anual e ocorre em duas frentes: ideias qualitativas, que melhoram o ambiente de trabalho; e ideias quantitativas, que impactam na produtividade.

“Presenciamos e reconhecemos a inovação que está presente nos times. O engajamento da nossa gente nos traz provocações e implementações transformadoras, como parte de tudo que pode melhorar a produtividade, de forma segura, preservando o meio ambiente e os ativos da empresa. Essa diversidade de setores que contribuem com ideias mostra como as oportunidades são igualitárias e difundidas para a participação de todos”, avalia Carlos Monteiro, diretor Industrial.

Fonte: Eldorado Brasil

Últimas Notícias

Irani investe mais de R$ 80 milhões para modernização e ampliação do parque fabril

Recursos destinados pela Irani à Plataforma Gaia vão permitir a ampliação e a modernização da máquina de papel V na unidade de Campina da Alegria (SC)

Irani investe mais de R$ 18 milhões em plataformas de PD&I

Projetos da Irani em PD&I (Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação) focam em inovações que abrangem o segmento de papel, embalagem, florestal e meio ambiente

Irani Papel e Embalagem avalia novo ciclo de investimentos

Irani avalia projeto "Plataforma Neos", com expansão da base florestal, aumento da produção de celulose de fibra longa, papel para embalagens e papelão ondulado

Branded Contents

INCAPE forma primeira turma do curso “Mulheres Papeleiras”

Iniciativa da INCAPE reforça o compromisso da empresa com o Pacto Global da ONU, rumo à igualdade de gêner

Thiago Karam Westphalen assume presidência da INCAPE

Thiago Karam Westphalen assume como diretor presidente da INCAPE, com planos de continuar a trajetória de sucesso da família na expansão dos negócios

Destaques Tecnológicos

Destaques tecnológicos do setor: Andritz, Contech, Hergen, Solenis, Valmet E Voith

Compartilhar

Newsletter

Mantenha-se Atualizado!

Assine nossa newsletter gratuita e receba com exclusividade notícias e novidades