As últimas novidades e notícias da indústria de celulose e papel. Artigos técnicos, tendências, tecnologia, inovação, ESG, cursos e mais.

Mercado de aparas de papel será desafiador em 2024, diz Anguti

Em meio a preocupações com a disponibilidade de fibras virgens e os preços da celulose, o mercado de aparas de papel projeta estabilidade com aumentos pouco acima da inflação para este ano

Na coluna deste mês Pedro Vilas Boas, diretor da Anguti Estatística, aborda o cenário para o segmento de aparas em 2024. Para o especialista, enquanto o mercado de aparas de papel oferece oportunidades para o próximo ano, os players do setor precisarão enfrentar uma série de desafios para garantir sua competitividade e sustentabilidade no mercado.

Notícia continua após o anúncio

Ele explica que no fechamento do último ano, o mercado de aparas de papel enfrentou uma mistura de desafios e promessas, com dados da Empapel apontando para um desempenho robusto no último trimestre de 2023. Este período positivo impulsionou um aumento modesto nas expedições de caixas e chapas ao longo do ano, indicando uma tendência ascendente em comparação com 2022. Apesar disso, o setor de papéis reciclados teve que ajustar suas estratégias diante das flutuações do mercado, evidenciando a resiliência do segmento.

A redução dos estoques de bobinas e a estabilidade dos preços das aparas marrons foram resultados diretos desse crescimento, porém, as incertezas persistem para o primeiro trimestre de 2024, especialmente devido às preocupações com a disponibilidade de fibras virgens e os preços da celulose, que continuam a exercer pressão sobre o mercado.

“Entre os vários fatores que impactam o mercado de aparas, destacamos dois que vão em sentido contrário e deverão continuar provocando os maiores efeitos em 2024; o volume de papel de fibra virgem que está entrando no mercado interno e o baixo volume na coleta. Lembrando que falar sobre o desempenho futuro
das aparas sempre é arriscado, vamos apostar que teremos preços relativamente estáveis com aumentos pouco acima da inflação.”

Pedro Vilas Boas

Enquanto isso, o comércio varejista brasileiro enfrentou um cenário desafiador, com dados do IBGE apontando um crescimento moderado, mas com setores-chave perdendo força em comparação com o ano anterior. Apesar das expectativas de uma recuperação durante o ano letivo, o setor de livros, jornais, revistas e papelarias foi um dos poucos a apresentar uma queda nas perdas, sugerindo uma possível virada no horizonte.

A nível regional, alguns estados viram uma diminuição nas vendas, mas nenhum teve um impacto significativo na média nacional. Enquanto São Paulo, Rio de Janeiro e Bahia demonstraram um crescimento modesto, a expectativa de uma melhoria nas vendas por estado não se materializou completamente, perdendo um pouco de impulso nos meses finais do ano.

No mercado de aparas, a entrada de papel de fibra virgem e a baixa coleta continuam a ser os principais pontos de discussão para 2024. A estabilidade nos preços é esperada, com possíveis aumentos ligeiramente acima da inflação, mas o setor enfrenta desafios significativos, incluindo a concorrência da matéria-prima virgem e a necessidade de se adaptar às mudanças no cenário econômico global e local.

Confira o texto e os gráficos desta análise no PDF abaixo>

Leia mais sobre o setor de aparas

Últimas Notícias

Melhoramentos anuncia nova fábrica de embalagens sustentáveis em Minas Gerais

Melhoramentos construirá fábrica de embalagens sustentáveis com fibra de celulose, 100% compostáveis, em Minas Gerais. O investimento será de R$ 40 milhões

Irani investe mais de R$ 18 milhões em plataformas de PD&I

Projetos da Irani em PD&I (Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação) focam em inovações que abrangem o segmento de papel, embalagem, florestal e meio ambiente

Irani Papel e Embalagem avalia novo ciclo de investimentos

Irani avalia projeto "Plataforma Neos", com expansão da base florestal, aumento da produção de celulose de fibra longa, papel para embalagens e papelão ondulado

Branded Contents

INCAPE forma primeira turma do curso “Mulheres Papeleiras”

Iniciativa da INCAPE reforça o compromisso da empresa com o Pacto Global da ONU, rumo à igualdade de gêner

Thiago Karam Westphalen assume presidência da INCAPE

Thiago Karam Westphalen assume como diretor presidente da INCAPE, com planos de continuar a trajetória de sucesso da família na expansão dos negócios

Destaques Tecnológicos

Destaques tecnológicos do setor: Andritz, Contech, Hergen, Solenis, Valmet E Voith

Compartilhar

Newsletter

Mantenha-se Atualizado!

Assine nossa newsletter gratuita e receba com exclusividade notícias e novidades

Mais Colunas